quinta-feira, 27 de março de 2008

conga lo conga



Ontem o Careca ficou falando do antigo "Conga" no meu post anterior. "Conga" era um tênis pelado de tudo que existia na década de setenta. Pelado mesmo, apenas um pano em cima e uma sola de borracha em baixo. Obviamente que era um assunto sem pé nem cabeça pra uma segunda feira (ou para pé e para a cabeça). Então me lembrei de uma conversa e resolvi fazer um post de tênis.
Foi o meu cunhado, marido da minha irmã, que percebeu e me alertou. Estávamos num churrasco na casa dele, eu de tênis novinho, estreando o par que comprei no feriado.
- Olha meu tênis novo, que branquinho - eu mostrei, levantando o pé.
- Legal - ele disse - mas já reparou uma coisa?
- O que? - perguntei, mirando com orgulho o par reluzente.
- O design dos tênis de hoje estão cada vez mais parecidos com o design das escovas de dente de hoje.
- Hã?
- Repara, Lúcia. Eles ficam colocando as mesmas coisas: amortecedores, gel, tirinhas estilo power ranger, pedaços fosforescentes, sempre essa coisa meio espacial. Super dinâmicos os dois. Tênis e escovas de dente.
- Nossa, é verdade - eu concordei, rindo.
- Não entendo porque essas duas coisas evoluiram pra esse estilo tão inter-galáctico. Escova de dente cross action, tênis gel nimbus. Engraçado, né?
Puxa. Tadinho do Conga.

Um comentário:

disse...

Gostei.

Abraços
Noeli