terça-feira, 19 de setembro de 2006

óculos de assassina




A primeira vez que notaram foi quando houve o assassinato do PCFarias. Em todos os jornais, aquele monte de foto da namorada assassinada, a Suzana Marcolino.
- Olha lá Lu... olha como o óculos dela é parecido com o seu.
A gente abria o jornal, as revistas de fofocas, a revista Veja, Isto é, Época e lá vinha aquele monte de fotos da Suzana Marcolino com uns óclões idênticos ao que eu tinha na época.
- Essa mulher ai, mãe, parece você com esses óculos.
Até minha mãe.
- Veja, Lúcia. Essa tal de Suzana tem uns óculos iguais à aquele seu, aquele que eu não gosto, preto e grandão demais.
O tempo passou, perdi uns, comprei outros, mudei de modelo e tipo até que, na semana passada, a coisa se repetiu.
- Olha Lúcia... – falou o Zé, lendo o jornal – Repara nesses óculos dessa tal de Carla Cepollina, a namorada do falecido coronel Ubiratan...
- Que é que tem?
- Olha. É igual ao seu.
De novo?
- É mesmo, vamos pegar o da mamãe pra comparar – disse um dos meninos, trazendo a minha bolsa.
No dia seguinte, o Zé notou outra coisa.
- Lu! Olha que engraçado. Os óculos da mãe- advogada, essa tal de Liliana Prinzivalli, é idêntico à aquele outro seu, que você usava no ano passado!
- Como é, Zé?
- Olhaqui.
Nossa. Idêntico mesmo.
Óbvio que isso não deve ter acontecido só comigo, afinal os modelos de óculos tem a ver com a moda e milhares de mulheres tem óculos iguais. Mas constatar essa semelhança é engraçado, e eu estou aqui pensando se teria alguma coisa a ver o fato de eu ter o mesmo 'gosto' para óculos do mulheres envolvidas com mortes horríveis. Confesso que tenho arrepios de pensar, e, Deusmelivre, de me imaginar em páginas policiais.
Uia.
Aliás, se eu fosse dona de uma fábrica ou loja de óculos, eu me aproveitaria disso e lançaria já uma linha de óculos feminina chamada “killer glasses”. Porque gente, pensa bem: os nomes dessas mulheres são sensacionais para nomear uma linha de óculos. Imaginem a cena:
- Por favor, eu queria experimentar um óculos daquele ali – diria uma freguesa.
- Este? – falaria a vendedora – Esse é um legítimo Carla Cepollina.
- Iii, nossa. Deve ser caro pra chuchú. E aquele ali?
- Aqueles todos são Suzana Marcolino, é a linha original, com lentes a prova de bala e com a assinatura do PCFarias na haste. Mas estamos com uma promoção muito boa nos óculos Liliana Prinzivalli. Quer dar uma olhadinha?

Um comentário:

Mariana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.